“Essa é uma celebração da unidade.”, foram com estas palavras que Dom José Ronaldo definiu a Santa Missa do Crisma, celebrada no dia 31 de março em nossa Catedral Diocesana. Nesta Celebração são abençoados os óleos: dos catecúmenos, enfermos e do Crisma, que serão usados na celebração dos sacramentos. Também nesta celebração acontece a renovação das promessas sacerdotais de nosso clero.

Essa celebração que marca a Semana Santa é realizada na tradição da Igreja na quinta-feira Santa, no período da manhã. A Igreja concede que por motivos e circunstâncias pastorais ela possa ser celebrada nos dias que antecedem a quinta-feira santa. Devido às longas distâncias e deslocamento das comunidades, em nossa diocese ela acontece costumeiramente na terça-feira da Semana Santa.

13210_10203904838126695_8053516230688048566_n

Essa foi a primeira celebração presidida por Dom José Ronaldo como bispo de nossa diocese. Em sua homilia ele recordou o sentindo desta celebração, e frisou como ela representa a unidade do povo cristão em uma diocese. Dom José recordou também os sacerdotes, que são “ministros escolhidos por Deus para o serviço do povo. O sacerdote é alguém escolhido por Deus!”, estes são ministros dos sacramentos, mas também devem ser homens da Palavra e do serviço fraterno.

Dom Ronaldo pediu que cada cristão traga consigo o Evangelho, uma vez que “quando temos o Evangelho escrito em nossos corações, todo tipo de corrupção, divisão desaparece”

Por Raifran Sousa