O Conselho de Formação é um grupo de presbíteros representantes do clero diocesano e seminaristas que ajudam o Bispo e os formadores dos seminários na formação dos seminaristas da Diocese de Formosa.

Art. 2 – O Bispo ouvirá o Conselho de Formação e tratará com ele tudo que se refere à formação integral dos seminaristas.

Art. 3 – O Conselho de Formação tem voto consultivo.

Art. 4 – O Conselho de Formação tratará:
a) Da admissão de seminaristas vindos das paróquias;
b) Da vida pessoal, espiritualidade, estágio pastoral e estudos dos seminaristas;
c) Da manutenção dos seminaristas;
d) Dos pedidos para os ministérios de Leitor e Acólito e Ordenações.
e) Do arquivo com os dados dos seminaristas.

Capítulo II – Composição do Conselho

Art. 5 – O Conselho de Formação compõe-se dos seguintes membros:
a) Do Reitor e Diretor Espiritual do Seminário Diocesano;
b) Dos Formadores dos Seminários Maiores quando estes pertencerem ao presbitério Diocesano;
c) Dos padres que acompanham os seminaristas de Filosofia e Teologia;
d) Do Coordenador da Pastoral Vocacional;
e) Dos seminaristas, representantes dos Seminários onde a Diocese tiver seminaristas residentes;
f) Dos padres nomeados pelo Bispo Diocesano que ajudam na formação.

(Orientações e Normas da Diocese de Formosa p.102)