Sexta-feira da 5ª Semana do Tempo Comum
Evangelho – Marcos 7,31-37

As boas obras de Jesus estão intimamente ligadas à sua comunhão profunda com o Pai do Céu. Ele é o novo Adão, que introduz a humanidade renovada na comunhão com Deus. Ao produzir o barro com a própria saliva e curar o cego, Cristo retoma a criação de Deus. N’Ele, a humanidade é recriada e tem os olhos abertos às obras de Deus.

Em sua humanidade, Jesus reúne os homens novamente com Deus, consigo mesmo e entre si. A divisão é fruto do pecado do homem, como vemos na primeira leitura de hoje. Mesmo no povo eleito, há desordens que levam à desintegração.

Que por intercessão de São Cirilo e São Metódio, nossas comunidades se reúnam cada vez mais no amor de Cristo!

Pe. Ozias Welliton Correia Xavier
Pároco da Paróquia Santo Expedito
Formosa-GO


Leituras: 1Rs 11,29-32; 12,19 / Sl 80 (81)
Evangelho: Mc 7,31-37